> Início > Oncologia > Unidade de Ginecologia

Unidade de Ginecologia

Unidade de Ginecologia
A avaliação de risco e o diagnóstico precoce podem ser determinantes na forma como se tratam os cancros ginecológicos, nas taxas de sucesso dos tratamentos e na garantia da qualidade de vida dos doentes. 

A Unidade de Ginecologia é a mais recente unidade do Centro Clínico Champalimaud e trata os vários tipos de cancros ginecológicos, entre os mais comuns, o cancro do endométrio, do colo do útero e do ovário.

O carcinoma do endométrio é, atualmente, o cancro maligno ginecológico mais frequente nas mulheres embora com taxas de sucesso no tratamento bastante elevadas muito devido ao facto de ser habitualmente diagnosticado em estádios precoces. Por sua vez e apesar de apresentar uma baixa incidência, o cancro do ovário é um dos cancros com índices de mortalidade mais elevados na mulher. A acrescentar que em ambos os casos o factor genético poderá fazer parte da equação e desempenhar um papel importante.

É precisamente por sabermos que o desenvolvimento contínuo de um trabalho proativo na avaliação do risco e diagnóstico precoce pode desempenhar um papel determinante na forma como se tratam os cancros ginecológicos e nas taxas de sucesso, que a Unidade de Ginecologia do CCC adopta os melhores e mais recentes protocolos, nacionais e internacionais nesta área de atuação.

Adicionalmente, por se tratarem de cancros associados aos orgãos reprodutores femininos, na maior parte dos casos têm implicações na capacidade futura da mulher conceber, o que é particularmente relevante nas mulheres mais jovens. Desta forma, a acrescentar ao facto de terem de lidar com uma doença oncológica, as doentes têm ainda de enfrentar as consequências físicas e emocionais, a longo prazo, que dela advêm. É para mitigar o sofrimento e garantir que o melhor plano terapêutico é definido, que cada caso é analisado por uma equipa multidisciplinar composta por profissionais especializados, entre os quais oncologistas médicos, ginecologistas, cirurgiões, radioterapeutas, radiologistas, patologistas e geneticistas, especialistas em medicina nuclear, enfermeiros especializados, psico-oncologistas, nutricionistas e especialistas em cuidados paliativos.

A investigação é também uma prioridade para toda a equipa da Unidade Ginecológica com o objetivo claro de contribuir para o avanço do conhecimento nesta área, para a definição de novas técnicas e abordagens aos cancros ginecológicos, nomeadamente, que conduzam a intervenções com um menor impacto na qualidade de vida da doente.

A equipa que compõe esta unidade dedica-se ao estudo e tratamento das seguintes patologias: cancro da vulva, carcinoma da vagina, cancro do colo do útero, carcinoma do endométrio, neoplasia trofoblástica gestacional, sarcomas uterinos, cancro epitelial da trompa de falópio, cancro epitelial do ovário e tumores não epiteliais do ovário.

A equipa da Unidade de Ginecologia:

Dr. Henrique Nabais (Ginecologia)

Dr. Luís Vieira Pinto (Ginecologia)

Dra. Adelaide Vitorino (Ginecologia)

Dra. Lurdes Batarda (Oncologia médica)

Dr. Luís Rosa (Radiologia)

Prof. Durval Costa (Medicina nuclear)

Dra. Carla Oliveira (Medicina nuclear)

Prof. António Lopez Beltran (Patologia)

Doutora Luzia Travado (Psico-oncologia)

Prof. Sérgio Castedo (Genética)

Henrique Nabais

O Dr. Henrique Nabais, renomado especialista em ginecologia oncológica, integra a Unidade de Ginecologia do CCC onde a par da prática clínica desenvolve investigação no âmbito do cancro ginecológico.